quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Essências Florais Australianas de Ian White



As Essências Florais do Bush Australiano – as Bush Flower Essences of Austrália – produzidas por Ian White nasceram na década de 80.

O primeiro floral preparado por Ian foi no imenso “Red Center”, ou seja o deserto, da região central da Austrália, - e foi a Tall Yellow Top.

O Ian White é uma figura extremamente carismática e muito singular no seu jeito de ser. Ele é a quarta geração de uma família de curadores: ele é bisneto, neto e filho de herbalistas e conhecidos curadores da Austrália e ele viveu muito ao redor de sua avó que o ensinava desde menino sobre as ervas e sobre as flores e suas propriedades curativas.

O Ian em seus textos e aulas, nos conta não apenas das experiências e dos rituais aborígenes (povo nativo da Austrália) de cura através das flores, mas também das tradições de cura, usando flores e elixires de flores, dos lendários povos da Atlântida e da Lemúria.

Seus livros trazem descrições completas das essências, lendas e estórias a respeito de cada flor, e as estórias de como ele encontrou as flores e preparou os florais. Em seus relatos ele nos conduz à fácil e simples compreensão de cada uma das suas essências florais.

Em seus livros Ian faz também um estudo que relaciona as essências florais do Bush Australiano com a numerologia e com a iridologia.

Os cursos que oferece na Austrália e no mundo todo são muito bons e ele usa e ensina técnicas de cinesiologia para testar e selecionar as essências florais.

A maneira direta que Ian encontrou para descrever as qualidades das Bush Essences tornou-as amplamente conhecidas e utilizadas em todas as partes do planeta.

Isso é na verdade uma das coisas incríveis a respeito das essências florais: as bênçãos de flores endêmicas (endêmicas significa que só crescem naquele lugar) de locais tão difíceis de se alcançar como as altas montanhas da Serra Nevada na Califórnia, ou o Deserto da Austrália, ou as remotas áreas do longínquo Alaska, se fazem ao nosso alcance através das Essências Florais.

Além das essências florais da Austrália nesses últimos anos Ian White preparou e pesquisou novas essências que ele chama de White Light Essences.

Essas novas essências são uma captação das forças espirituais existentes em determinados locais do mundo como Matchu Pitchu no Peru, Ilha de Iona na Escócia, a formação rochosa dos Katajutas na Austrália Central, e de outros lugares considerados igualmente sagrados.

Vamos olhar algumas flores das Bush Essences da Austrália:

Tall Yellow Top: O sentido de pertencer. Um floral para o isolamento e para a solidão. Para quem se sente alienado, não tem um sentimento de “lar” em nenhum lugar nem com nenhum grupo. Quando temos a tendência de nos sentirmos como que estranhos numa terra estranha, ou sentimos que não pertencemos a esse planeta. Com seu amarelo dourado a Tall Yellow Top ajuda a soltar a falsa idéia de que não somos desse lugar, ajuda a abrirmos o coração para nos ligarmos às outras pessoas e à Mãe Terra

Sturt Desert Pea: Soltar o que doeu. Para quem carrega tristezas profundas, mágoas, e dores emocionais no âmago do seu ser. Para quem leva consigo essas dores mas não consegue expressá-las. Essas pessoas muitas vezes sentem falta de motivação, porque não acreditam que algo de realmente bom pode vir em sua direção. A Sturt Desert Pea traz a liberação, o alívio interior dessas tristes recordações, ajuda a expressar seus sentimentos e renova a motivação, a esperança e a crença em dias melhores.

Boab: Liberação de padrões negativos herdados. Muitos de nossos padrões de comportamento, de pensamento e até de sentimento sofrem influência de nossos ancestrais. Mesmo questões relacionadas ao nosso bem estar físico podem ser determinadas por doenças que nossos ancestrais desenvolveram. Boab, a essência floral da flor do Baobá, aciona as nossas capacidades de soltarmos a parte do carma familiar que não nos cabe. Limpa nossa mente e nossas emoções de padrões do passado que nos mantêm ainda hoje repetindo experiências negativas.

Bush Fuchsia: Integrando razão e intuição. Problemas de aprendizagem em geral, pessoas com dificuldade de colocar em palavras os seus pensamentos e de se expressar verbalmente, gagueira, dificuldade em reconhecer sua voz interior ou falta de confiança na intuição. Como vocês vêm este é um floral de múltiplas aplicações. Ele integra as funções dos hemisférios direito e esquerdo do cérebro. É um desses que a gente quer ter sempre em casa até pra uso circunstancial, com as crianças, em situação de teste ou prova, quando vai preparar ou dar uma palestra, etc.

Five Corners: Consciência de seu próprio merecimento. Você não poderá receber amor e todas as coisas boas da vida se não se amar a si próprio, não se aceitar e não se sentir merecedor de toda essa abundância. Às vezes, nos boicotamos a nós mesmos e puxamos o nosso próprio tapete, porque inconscientemente não nos sentimos merecedores. Esta é uma das essências florais mais importantes para podermos atrair e desfrutar as coisas boas da vida, incluindo aqui relacionamentos saudáveis, trabalho interessante, prosperidade, amor.

Depoimento de Ian White:

"Há anos atrás, em uma meditação, vi a mim mesmo,
numa cena que parecia ser de um tempo ancestral,
reunido a vários produtores de essências florais.

Edward Bach estava presente também.

Havia uma sacolinha de couro
e nós estávamos sorteando palitos de dentro dessa sacolinha.

Edward Bach tirou o palito menor
e nos foi dito
que como consequência
ele viria, então, antes que o restante de nós
para ajudar a redescobrir esta antiga modalidade de cura.

Meu primeiro livro é dedicado a ambos:

Paracelsus e Edward Bach
– fundadores modernos das Essências Florais.

No cumprimento de sua missão de promover os florais,
Bach certamente vivenciou dificuldades
muito maiores
do que eu mesmo
e os outros produtores de florais
temos tido nos últimos 20 ou 30 anos.

Seus esforços tiveram de ser muito maiores.

Seu maior legado,
em minha visão,
não são as 38 essências florais que ele desenvolveu,
mas sim seu trabalho
de trazer para o público
mais uma vez
a consciência das essências florais.

Eu preparo as Essências Florais do Bush Australiano
usando a mesma técnica
que Edward Bach desenvolveu
 – o método solar.

E isso
me leva de volta
para minha conexão com o Dr Bach
e para essa origem moderna das Essências Florais.

É uma forma de honrar Dr Bach
e essa nossa maravilhosa modalidade de cura.

A vez em que senti
mais fortemente
a presença espiritual de Edward Bach
foi na primeira Conferência Internacional
de Essências Florais,
na França,
em junho de 1990.

Na abertura da Conferência,
com o auditório lotado
com mais de 300 participantes,
senti intensamente Edward Bach
muito alegre e feliz,
apreciando
como o seu trabalho pioneiro
havia progredido em todo o mundo."

Fonte:
Essencias Florais

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...