quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Óleos Essenciais & Aromaterapia


Os óleos essenciais são substâncias voláteis extraídas de plantas aromáticas, constituindo matérias-primas de grande importância para as indústrias cosmética, farmacêutica e alimentícia.

Essas substâncias orgânicas, puras e extremamente potentes são consideradas a alma da planta e são os principais componentes bioquímicos de ação terapêutica das plantas medicinais e aromáticas.

Presentes em várias partes das plantas:

folhas,
flores,
madeiras,
ramos,
galhos,
frutos,
rizomas,

são compostos formados por várias funções orgânicas - como álcoois, aldeídos, ésteres, fenóis e hidrocarbonetos - havendo sempre a prevalência de uma ou duas delas, que assim irão caracterizar os aromas.

São obtidos pelos processos de destilação a vapor, extração por solvente ou por pressão. Ainda, nem todos os óleos essenciais possuem aroma agradável ao olfato, apesar das suas propriedades terapêuticas.

Esses óleos são procedentes dos mais variados cantos do mundo e seu preço é sempre elevado e individual quando comparado à grande maioria das essências comercializadas no mercado – que, ao contrário dos Óleos Essenciais, são produzidas sinteticamente em laboratório – possuindo em geral um cheiro agradável, mas destituídas de qualquer propriedade terapêutica.

Óleo essencial é uma mistura complexa de compostos orgânicos voláteis, com até centenas de constituintes distintos, extraídas por processos específicos de vegetais.

Diversos tipos de substâncias podem estar associados ao mesmo tempo para formar uma mesma essência, ainda em geral uma fração de toda essa mistura é que tenha maior poder sobre as propriedades do óleo essencial.

Fonte: wikipedia


Aromaterapia

O aromaterapeuta Fábián László Flégner, de Belo Horizonte, listou alguns dos óleos essenciais mais usados no mundo, suas principais indicações no aspecto emocional e físico, a parte da planta utilizada para a extração do princípio ativo e os países de origem.

Alecrim-da-horta (Rosmarinus officinalis)

Usado para estimular a concentração e a memória e o alívio de problemas como reumatismo, dores localizadas, seborréia, sonolência e tensão muscular. Associado ao amor. Extraído da erva. Origem: Espanha.

Bergamota (Citrus aurantium bergamia)

Para obesidade, celulite, retenção hídrica, casos de estresse, gripes e resfriados. É um antivirótico, útil contra o herpes e em banhos para tratar infecções e inflamações na área genital. Estimula o entusiasmo. Extraído da casca do fruto. Origem: Itália.

Camomila-romana (Anthemis nobilis)

Excelente calmante, sedativo e antiinflamatório, útil para conjuntivites, dores reumáticas, nervosismo e insônia. Usado para depressão e síndrome do pânico. Associado ao amor e ao perdão. Parte da planta utilizada: flores. Origem: Inglaterra.

Canela-cascas (Cinnamomum zeylanicum ou C. cassia)

Estimulante, antiinfeccioso, antiinflamatório eficaz nas lesões por esforço repetitivo (LER), artrites e bursites. Nunca usar puro, pois pode queimar a pele. Extraído das cascas. Origem: Índia e Madagascar.

Capim-cidreira, capim-limão ou santo (Cymbopogon citratus)

É antiinflamatório, combate celulite, problemas digestivos, falta de apetite, cólicas intestinais, seborréia e queda de cabelo. Ajuda a liberar raiva e emoções contidas. Extraído das folhas. Origem: Brasil.

Cipreste (Cupressus sempervirens ou C. lusitanica)

Antiinflamatório, bom para abscessos, furúnculos e acnes. É antifúngico (micoses), indicado também para má circulação, varizes e gengivite. Melhora a concentração e facilita o desapego, alivia o estresse. Extraído de galhos e folhas. Origem: Espanha e Brasil.

Copaíba (Copaifera officinalis e C. langsdorfii)

Para problemas de pele em geral, como alergias e inflamações, úlceras estomacais, gastrite, cabelos sem brilho, manchas senis de pele, queimaduras, hemorróidas, problemas renais. Extraído da madeira. Origem: Brasil.

Cravo-da-índia (Eugenia caryophyllata)

Poderoso analgésico e anti-séptico, utilizado para atenuar dor de dente e aftas. Alivia tosse seca, unha encravada e estimula o sistema imunológico em geral. Parte da planta utilizada: botões secos. Origem: Indonésia.

Eucalipto (Eucalyptus globulus)

Para congestão nasal, sinusite, asma e bronquite. Tem efeito anti-séptico local e é recomendado contra odor nos pés. Alivia dores musculares e reumáticas. Estimula a concentração e libera a mente. Extraído de galhos e folhas. Origem: Brasil e China.

Gengibre (Zingiber officinalis)

Para falta de apetite, febre e dores musculares. Age como estimulante geral e é digestivo. Bom para alívio de dores nas articulações e pode ser incluídos no tratamento de vários tipos de reumatismo. Extraído do rizoma da planta. Origem: Brasil e China.

Gerânio (Pelargonium graveolens)

Tem propriedades antidepressivas e anti-sépticas, ajuda no controle da oleosidade da pele e cabelo e é recomendado para o tratamento de peles secas. Alivia o medo e a carência. Extraído da erva. Origem: Egito, França e China.

Grapefruit (Citrus paradisi)

Empregado no tratamento de obesidade, celulite, retenção de líqüidos, falta de apetite, depressão, tristeza e melancolia. Efeitos similares aos da laranja e da tangerina. Extraído da casca do fruto. Origem: Itália e Brasil.

Hortelã-pimenta (Mentha piperita)

Útil contra dores de cabeça, enxaquecas e enjôos. Por estimular a circulação, previne celulite e varizes além de atuar como analgésico. Elimina manchas de pele (usar diluído). Traz clareza aos pensamentos e é estimulante. Extraído da erva. Origem: EUA.

Ilangue-ilangue (Cananga odorata)

Estimulante do sistema imunológico, sedativo, calmante, afrodisíaco. Age contra ansiedade e insônia. Previne acnes e rugas. Alivia medo e efeitos emocionais da tensão pré-menstrual. Extraído das flores. Origem: Indonésia e Madagascar.

Jasmim (Jasminum officinalis)

Alivia depressão, ansiedade, problemas menstruais, desânimo, catarro e tosse e também é afrodisíaco. Facilita o relaxamento e a meditação. Extraído das flores. Origem: Índia.

Junípero (Juniperus communis)

Melhora a circulação e atenua problemas como celulite, hemorróidas e varizes. Alivia problemas respiratórios e estresse. Fortalece a memória e é indicado para o excesso de isolamento. Extraído das folhas ou bagas. Origem: Afeganistão e Hungria.

Laranja (Citrus aurantium)

Desperta a alegria e o entusiasmo e, ao mesmo tempo, acalma. Abre o apetite e auxilia no tratamento de problemas de digestão. Em xampus, combate caspa, seborréia e queda de cabelo. Extraído da casca do fruto. Origem: Brasil.

Lavanda (Lavandula angustifolia)

É um óleo curinga. Empregado em queimaduras, como regenerador da pele, contra o estresse e para dar a sensação de paz. Pode ser usado diretamente na pele, inclusive em queimaduras. Extraído das hastes floridas. Origem: França, Bulgária e Inglaterra.

Manjericão-verde, ou doce (Ocimum basilicum)

São as variedades de manjericão mais perfumadas. Têm aroma de efeito relaxante, anti-estresse, ansiolítico e antidepressivo. Têm propriedades antifúngicas, analgésicas e regeneradoras da pele. Melhoram a digestão. Extraídos das ervas. Origem: França e Brasil.

Neroli (Citrus aurantium var. amara)

Poderoso calmante, empregado em casos de fobia, síndrome do pânico, depressão, agitação, insônia, irritabilidade, tensão pré-menstrual, cólicas e problemas digestivos. Estimula a alegria. Extraído das flores. Origem: Espanha.

Olíbano (Boswellia thurifera, carteri ou serrata)

Age aliviando problemas respiratórios, gripes, dores articulares e reumáticas. Tem ação contra infecções e inflamações. Acalma a mente e é indicado para momentos de meditação. Extraído da resina. Origem: Índia e Somália.

Palmarosa (Cymbopogon martinii motia)

Rejuvenesce todo os tipos de pele, equilibra as oleosas e com acne. Auxilia no tratamento de obesidade e celulite. É calmante, antidepressivo e favorece o sono regenerador. Extraído do capim. Origem: Índia e Brasil.

Pau-rosa (Aniba rosaeodora ducke)

Usado no tratamento de acnes, rugas e queimaduras. Hidrata a pele e evita o envelhecimento precoce dos tecidos. Age como calmante e é eficaz no tratamento de depressão, insônia, estresse. Alivia dores de cabeça. Extraído da madeira. Origem: Brasil.

Petitgrain (Citrus aurantium amara)

Ótimo para alívio do estresse, desgaste do sistema nervoso e depressão. Empregado em problemas de pele, como acnes. Ajuda a liberar sentimentos contidos e favorece a concentração. Extraído das folhas. Origem: Paraguai.

Rosa (Rosa damascena)

Poderoso rejuvenescedor para todos os tipos de pele, ótimo no tratamento de acne, vermelhidão na face. Alivia depressão, estresse, tensão pré-menstrual, cólicas e menopausa. Extraído das pétalas. Origem: Turquia, Bulgária e Índia.

Sálvia esclaréia (Salvia sclarea)

Alivia estresse, tensão, pânico e desgaste do sistema nervoso, pois tem efeito relaxante. Muito usado em problemas de congestionamento pulmonar e distúrbios hormonais femininos. Extraído das folhas. Origem: Rússia e EUA.

Sândalo (Santalum album)

É expectorante, diurético e cicatrizante. Tem efeito relaxante e antidepressivo, estimulando o entusiasmo e a vontade de ir em frente. Facilita a introspecção e a meditação. Extraído da madeira. Origem: Índia.

Tangerina (Citrus reticulata)

Antidepressivo e estimulante. Equilibra estados de ansiedade, tristeza e medo. Favorece a concentração e é calmante. Abre o apetite e alivia problemas digestivos. Extraído da casca do fruto. Origem: Brasil, EUA e Itália.

Tea tree australiano (Melaleuca alternifolia)

Cicatrizante e antibiótico natural, impede ação de fungos, bactérias e vírus: cândida, inflamações, micoses, amidalite, problemas respiratórios, cistite. É revitalizante e purificador das emoções. Extraído das folhas. Origem: Austrália, Brasil e China.

Verbena-limão (Lippia citriodora)

Usado para aliviar congestão do fígado e facilitar a digestão. É refrescante e estimulante, melhora a concentração e atenua a depressão. Extraído das folhas. Origem: Espanha.

Texto de Mariana Viktor e Kátia Stringueto
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...