sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Canção dos 3 Reis Magos (Antroposofia)


A Deus nós queremos louvar e honrar.
Os santos reis magos estão a chegar.

Eles vêm atrás e sua estrela adiante,
Chegando, chegando de terras distantes.

Só em treze dias – oh, que maravilha!
Eles percorreram quatrocentos milhas.
Chegaram à porta da casa mais bela,
Da casa de Herodes, que estava à janela:

“Por que vós viestes a Jerusalém?”
“ É nosso caminho para ir a Belém;

pois lá em Belém um Menino nasceu
de uma virgem pura que nada sofreu.”

Com orgulho, Herodes perguntou: “Dizei,
Por que é tão preto esse terceiro rei?”

“Prezado senhor, ele é rei afamado.
Em terra de mouros possui seu reinado.

Quereis por acaso saber nossos nomes?
Deixai que digamos a vós quem nós somos.

Somos os três reis da estrela matutina,
Trazendo presentes à Criança divina.

Com amor profundo nós a honraremos:
Ouro, incenso e mirra lhe oferecemos.”

E eis que Herodes disse, cheio de arrogância:
“Pois ficai aqui um breve descanso.

Tereis feno e palha onde podeis deitar.
Não cobrarei nada por vos hospedar”.

Falam entre si os três reis. Decidindo,
Dizem a Herodes que já partindo.

Cheio de despeito, ele responde agora:
“Não quereis ficar? Pois então ide embora!”

Os três reis partiram subindo a colina,
Partiram em busca da Criança divina.

Ao longe eles viram uma casa singela,
E eis a sua estrela a brilhar sobre ela.

E dentro da casa repleta de luz
Eis na manjedoura o menino Jesus.

E os três reis lhe estendem seu rico tesouro
Composto de mirra, de incenso e de ouro.


Do livro “ Des Knaben Wunderhorn”
Colaboração de Ruth Salles




Fonte da Imagem:
Adoração dos Magos, Fra Angelico e Fra Filippo, 1445

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...