sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Menina de 8 anos dá sugestão para cura




Menina de 8 anos sugere cura do câncer para pai cientista.

Filha de pais pesquisadores em Manchester, na Inglaterra, Camilia Lisanti sugeriu o uso de antibióticos para o tratamento de células perigosas - e os resultados de laboratório são promissores.

Uma menina de oito anos de idade pode ter dado um grande passo para a cura do câncer enquanto conversava com seus pais na mesa de jantar.

Camilla Lisanti, de Manchester, estava jantando quando seu pai Michael - um cientista que estuda o câncer - perguntou-lhe como ela iria curar o câncer.

A criança de oito anos de idade pensou por um momento e, em seguida, sugeriu o uso de antibióticos, "como quando eu tenho uma dor de garganta", para seus pais céticos.

O Professor Lisanti e sua esposa Federica Sotgia, da Universidade de Manchester, testaram sua teoria em seu laboratório e ficaram espantados quando vários antibióticos baratos e amplamente utilizados destruíram as células cancerosas.

Alguns antibióticos impedem as células de fazer as mitocôndrias, que abastecem as células de energia.

Células-tronco cancerosas, que criam tumores e os mantém vivos, muitas vezes têm um elevado número de mitocôndrias.

Sua pesquisa mostrou que quatro antibióticos comuns, que podem custar poucos dólares em comparação com alguns dos mais recentes medicamentos que podem custar centenas de dólares, matou essas células-tronco em amostras de mama, próstata, pulmão, ovário, pâncreas, pele e tumores cerebrais.

Fundamentalmente, os antibióticos não prejudicam as células saudáveis. O Professor Lisanti agora acredita que os antibióticos poderiam provar ser um método barato e seguro no tratamento de câncer, graças à sugestão de sua filha.

"Ela ouviu falar muito sobre o câncer e nós pensamos que seria divertido perguntar o que ela pensava sobre uma possível cura", disse ele ao Daily Mail.

"Eu pensei que era muito ingênuo pensar que você poderia curar o câncer com antibióticos, mas no final do dia Camilla estava certa.

Embora promissora, a pesquisa - no momento - é limitada a resultados de laboratório e precisa ser testada em pessoas.

Lucas Rabello




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...