quinta-feira, 12 de abril de 2012

Prece Indígena


Oh! Grande Espírito, 
cuja voz eu escuto nos ventos, 
e cuja respiração dá vida a todo o mundo: 
Escute-me!

Eu estou perante você, um dos seus filhos. 
Eu sou pequeno e fraco. 
Eu preciso de sua Força e Sabedoria. 


Deixe-me caminhar em sua Beleza 
e faça meus olhos observarem para sempre 
o pôr do sol vermelho e púrpura.

Faça minhas mãos respeitarem 
as coisas que você fez, 
e meus ouvidos aguçados para escutar sua voz.

Faça-me Sábio, 
para que eu possa conhecer as coisas 
que Voce ensinou ao meu povo, 
e as lições que Voce 
escondeu em cada folha e em cada rocha.

Eu busco a Força 
não para ser superior a meus irmãos, 
mas para ser capaz de lutar 
com meu maior inimigo: 
"Eu mesmo". 

Prepare-me para ir até Voce, 
com as mãos limpas e olhos corretos, 
então, 
quando a vida 
desvanecer-se 
assim como o pôr-do-sol, 
meu espírito irá até Voce 
sem nenhuma mancha.

Deixe sua voz sussurrar em nossos ouvidos 
através do vento oeste no final do dia. 

Deixe-nos ser confortados com Amor 
por nossos irmãos e irmãs sem nenhuma guerra.

Deixe-nos preservar boa saúde física e mental 
e para solucionar nossos problemas 
e realizar algo para as futuras gerações. 

Deixe-nos ser sinceros com nós mesmos 
e nossa juventude 
e fazer do mundo um lugar melhor para viver.


Falcão Amarelo, Chefe Sioux
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...