sábado, 20 de outubro de 2012

Nada é permanente... exceto a mudança...


"Nada é permanente, exceto a mudança." 

Heráclito

Estima-se que Heráclito tenha nascido, mais ou menos, em 550 a. C., em Éfeso, na atual Turquia. Mas não se sabe muito a respeito de sua vida. O filósofo era descendente dos reis de Éfeso, que era uma colônia de Atenas, mas abriu mão do título em favor do seu irmão. Acredita-se que Heráclito era autodidata, já que, ao contrário da maioria dos filósofos antigos, suas obras não são classificadas em escolas ou movimentos. Em seus escritos, refletia sobre ciência, teologia e relações humanas, além de criticar o pensamento vigente dos poetas épicos e até de Pitágoras, a quem chamou de impostor. Em meados de 490 a.C, escreveu “Sobra a natureza”, obra que se divide em mais de cem fragmentos, complexa e enigmática, que rendeu ao filósofo o codinome de “Obscuro”. Considerado um filósofo pré-socrático de extrema importância, formulou o problema da unidade permanente do ser diante da pluralidade e mutabilidade das coisas transitórias. De acordo com a tradição, Heráclito deixou seus manuscritos no templo de Artemis, e se retirou para viver nas montanhas, após ter se decepcionado com seus conterrâneos. Seus escritos ficaram como um legado para a posteridade. O filósofo faleceu por volta de c. cerca de 480 a. C. 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...