sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Hora de fazer as pazes com sua sombra!




A maior parte das pessoas abandona o caminho do crescimento individual porque em algum ponto a carga de dor se tornou pesada demais para ser suportada.

É aquele determinado aspecto de cada um que destrói os relacionamentos, mata o espírito e nos impede de realizar nossos sonhos.

É aquilo a que o psicólogo Carl Jung chamou de "sombra".

Contém todas as nossas facetas que tentamos esconder ou negar; os aspectos sombrios que julgamos não serem aceitáveis para a família, para os amigos e, mais importante, para nós mesmos.

O lado sombrio está calcado profundamente em nossa consciência, escondido de nós e dos outros.

A mensagem transmitida desse local oculto é simples: há alguma coisa errada comigo. Não sou atraente. Não mereço ser bem sucedido. Não tenho valor.

Muitos de nós acreditamos nessas mensagens.

Cremos que, se olharmos bem de perto o que jaz nas profundezas do nosso ser, acharemos alguma coisa horrível.

Evitamos nos aprofundar com medo de descobrir alguém com que não consigamos conviver.

Em vez de tentar suprimir nossas sombras, precisamos revelar, reconhecer a assumir as coisas que mais tememos encarar.

Nossas sombras existem para nos ensinar, guiar e abençoar com nosso eu completo.

São fontes que devem ser expostas e exploradas.

Os sentimentos que abafamos estão ansiosos para se integrar a nós mesmos.

Eles são prejudiciais apenas quando reprimidos: podem surgir de repente nas ocasiões menos oportunas, e seus bote repentinos vão incapacitá-lo nas áreas mais importantes de sua vida.

Sua vida se transformará quando você fizer as pazes com sua sombra.

A lagarta se tornará, surpreendentemente, uma linda borboleta!

Você não precisará mais fingir ser alguém que não é.

Não será mais necessário provar que você é o máximo.

Quando assumir sua sombra, você deixará de viver num constante estado de temor.

Descubra os dons da sua sombra e finalmente você revelará seu verdadeiro eu em toda a sua glória e terá a liberdade para criar o tipo de vida que sempre quis.



Por Debbie Ford
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...